Visualizações

19/09/2015

Um sentido

Um dia, eu realmente acreditei.
Acreditei que iria encontrar alguém.
Que pudesse me amar, não pelo o que tenho a oferecer, mas pelo o que sou quando me vejo nos olhos de alguém. Quando a vida ganha um único sentido para ser vivida. Para ser realizada.
Para ser amada... a partir de momentos simples e inesquecíveis, pude enxergar o que de melhor tive.
O que me fazia inteira. O que me transformava na melhor garota, menina, pequena mulher.
E tudo isso aconteceu em pequenos instantes transformados em anos.
Durante todo o tempo, apenas amei.
Me entreguei. Acreditei que o amor, que o meu amor... era suficiente para deixá - lo ficar junto a mim.
Mas a vida me ensinou que, não importa o quão distante esteja, só irá restar a esperança para um novo futuro.

01/09/2015

Moça... aproxime-se...
A vida tem dessas coisas.
Um momento de desespero, outro de prazer...
Você pode tentar entender, mas não entenderá.
Cabe a você ousar sentir e viver...
Sobreviver no seu próprio mundo, 
onde tudo e todos estarão dispostos a te ver cair e levantar.
A te cobrir de amor e te deixar morrer por ele.
Alguém para chegar, ficar, viver e morrer com você.
E esse alguém te fará entender o porque de tudo acontecer.
Seus passos... ouço seus passos.
O coração acelera e por fim te encontro.
Olhos que não piscam, mãos trêmulas e seu cheiro ainda está em mim.
Faço apenas perguntas, dentre as respostas que já sei...
Por que está aqui?
Disse que não voltaria. Então por que me perturba?
Jamais esteve aqui. Não preciso de suas palavras.
Não mais preciso dos sonhos que um dia sonhei com você.
Prefiro meus únicos sonhos que além de mim estão.
Afaste-se...
Você jamais irá encontrar-se novamente em meus sonhos. Agora não mais.
Posso ouvir seus passos distanciando-se...
Sinto meu coração apertar, apenas chora.
E nesse momento a certeza de que minh'alma está livre para viver uma outra vida, 
tão esperada vida.
Ocorreu um erro neste gadget