Visualizações

20/09/2012





Como existir se você não pode existir?
Te ter mesmo não estando em mim?
Poderá estar entre todos, mas como encontar-te?
O que pensastes em fazer, para acontecer tudo isso?
Será que o sentimento não é mais o que foi um dia? Ou estais esperando acabar aos poucos?
Pensamentos levam a acreditar que o amor acaba quando cansa de viver entre ilusões.
Destruindo o que houve a tempos atrás, e deixando uma leve brisa tocar no rosto que hoje não mais existe.



Katiúcia Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget