Visualizações

29/12/2013

Um Sentimento de Culpa

Por não ter o amor,
Destruí a união de dois corpos.
E inteiramente juntos pelo acaso,
Descobriram o melhor para ambos.
E por diante, não houve respostas,
Para o silêncio que ali estava.
Procurando perguntas...
Não há o que dizer.
Como pôde destruir o caminho,
Que a muito não pensava em chegar?
O que houve com você?
Porque toda essa raiva?
O que tanto importava deixou de ser.
Posso falar que, por amar tanto,
Busquei um sentimento de culpa.
Por um momento de abandono e desespero,
Para descobrir que não fui amada.
Sendo assim, para amar e ser amada,
Não é preciso destruir a vida de ninguém.
Será preciso saber fazer o melhor que pode,
Pois o amor requer esforços.
Sem nada para ter.

Katiúcia Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget